Google+ Followers

segunda-feira, 28 de abril de 2014

TARDE DE ARTE NO SHOPPING ATRIUM NO SALDANHA...

Se você passou o dia todo se locomovendo de um ponto ao outro, buscando atrações turísticas, o que ver, o que fazer, quando chega lá pelas 4 horas da tarde já deve estar um  pouco desgastado, não é mesmo?

Então relaxe, tenho uma fórmula infalível para recuperação de forças  e ânimo.  Dê uma chegada à partir das 16hs no SHOPPING ATRIUM SALDANHA.  Lá, de segunda a sexta-feira, à partir das 16 hs e até as 20:00hs, no atrium central do shopping acontecem  apresentações como esta que aparecem nos videos e, importante, a custo zero.

É de tirar o fôlego pelo nível profissional do artista.  Mas melhor do que falar,  melhor é assistir.

Delicie-se, é de arrepiar.

RELIGIOSIDADE EM PORTUGAL...DESDE SEMPRE!

A Igreja católica e o Estado Português vivem, desde sempre, unidos e aliados com períodos de rusgas e aproximações mas a religiosidade do povo é perene.

Por todo o país e, especialmente, por Lisboa a forte presença da igreja ajudou a preservar a história e a cultura através de suas inúmeras igrejas, conventos, mosteiros, museus e outros espaços que mantém viva a memória mais distante de quase um milênio de lutas, vitórias, derrotas, descobertas, mudanças que aconteceram ao longo do tempo.

Estou iniciando esta postagem com alguns exemplos da grandiosidade, riqueza, respeito e, principalmente, preservação.  Ontem visitamos duas das mais importantes igrejas de Lisboa, A dos MÁRTIRES, no Chiado e a de  SÃO ROQUE, no Largo Trindade Coelho, Chiado.

A primeira, uma das mais antigas e a segunda que pertence a Santa Casa de Misericórdia de Portugal, juntamente com o MUSEU DE SÃO ROQUE, no predio anexo,  se destaca pela sua grandeza e acêrvo inimaginável formado ao longo de 3 séculos através de doações, aquisições, incorporações e outras formas.

Dica importante:   Aos domingos das 10:00hs as 14hs   a entrada é gratuita para todos e nos demais dias também é franqueado para os idosos à partir de 65 anos.

Eis abaixo alguns belos exemplos das Igrejas e do Museu:






Estas são imagens da  IGREJA DOS MÁRTIRES, na Rua  Garret no  Chiado.

Destaque especial para o orgão monumental existente nesta  Igreja.  Na minha viagem de 2011 assisti um evento musical nesta igreja com a participação de um grande organista e pude apreciar a qualidade de som exuberante deste magnifico instrumento.








 Eliete na parte frontal do Museu.
 Ugo na Praça em frente ao Museu.















Estas são as fotos da IGREJA  e do MUSEUS DE SÃO ROQUE no Largo Trindade Coelho no Chiado.


Manterei esta postagem em aberto e sempre que tiver imagens de outras igrejas irei postar aqui  neste espaço.

Um grande abraço e até breve.


Ugo Esteves

sexta-feira, 25 de abril de 2014

FEIRA DE ARTESANATO DA PRAÇA DO COMÉRCIO

Aos sábados e domingos acontece na Praça do Comércio uma feira de artesanato com trabalhos muito interessantes.

Mas em pleno 25 DE ABRIL como justificar uma postagem sobre um tema tão normal, com uma atividade que qualquer cidade com um mínimo de interesse turístico sempre oferece para os seus visitantes?

O motivo de tal iniciativa é forte.  A nossa amiga FÁTIMA CARLOS que conhecemos desde a viagem anterior a Lisboa e que pela sua simpatia cativou nossa amizade participa ativamente destes eventos.

Trata-se de artista plástica com esmerado dom para a difícil arte da pintura sobre porcelana, atividade existente a mais de um milênio.

Faço questão de sugerir aos meus milhares de amigos visitantes deste blog que se tiverem a oportunidade de visitar Lisboa não deixem escapar  a chance de conhecer a Praça do Comércio, por si só, de grande beleza e importância histórica para a cidade e, estando lá, percorram a Feira de Artesanato e procurem o quiosque da FÁTIMA CARLOS.   Tem trabalhos maravilhosos e são uma excelente dica para aquela lembrancinha de bom gosto que você sempre precisa levar para aquela pessoa especial.

Abaixo fotos da FÁTIMA CARLOS e da ELIETE ESTEVES.




25 DE ABRIL, 40 ANOS DEPOIS!!!

A  REVOLUÇÃO DOS CRAVOS, como ficou conhecido o evento acontecido em 25 de abril de 1974 que alterou substancialmente os rumos de Portugal foi esfusiantemente comemorada hoje por todo o mundo onde chega a língua portuguesa.

Eu fui agraciado com a grata oportunidade de juntar-me, pela segunda vez, ao Portugueses aqui em Lisboa, onde tudo  aconteceu.

Já em estagio de quase aceitação aos desmandos que vem acontecendo a cada manisfestação popular no Brasil desde meados do ano passado, tive a alegria de presenciar uma espetacular movimentação de pessoas, com muita alegria e espiritualidade, aproveitando esta data para, além de comemorar os 40 anos da revolução, também lançar pesadas críticas aos atuais governantes pelos desmandos que levaram o país a situação de dificuldades financieiras na última década.

Que bom poder participar disso, vivenciar esta experiência e torcer para que no Brasil este exemplo inspire nossas lideranças populares e as próximas manifestações aconteçam de forma alegure, ordeira e objetiva, democrática mas sem excessos de bandos criminisos.

E o que desejo e o que espero.
























...E para encerrar as festividades do 25 DE ABRIL, sob uma temperatura de 15 graus nada melhor do que o trio tipicamente português, Caldo Verde, Pão e Vinho...